#EspalheAmor



O PROJETO

Todos os dias nos deparamos com uma infinidade de notícias ruins. Na televisão, no jornal, na internet. E muitas vezes, esses fatos fazem com que a beleza da vida fique em segundo plano. Por isso, toda e qualquer iniciativa que espalhe amor deve ser bem-vinda. Sendo assim, o projeto #EspalheAmor chega com esse objetivo, espalhar amor em forma de intervenção artística.

LAMBE-LAMBES
Os lambe-lambes são muito utilizados em grandes cidades para levar um pouco de cor a muros acinzentados. E por serem um material fácil e divertido de produzir foram escolhidos para imprimir as mensagens do projeto.

OS ARTISTAS
Dentro de todos nós existem artistas prontos para se expressar. Por isso, para dar vida ao projeto #EspalheAmor, nada melhor que um trabalho social que integre crianças e adolescentes em uma corrente do bem.

OFICINAS
O projeto #EspalheAmor consiste em:
- Apresentar o projeto à instituições interessadas;
- Realizar oficinas de pintura dos lambe-lambes;
- Espalhar os lambes produzidos pelos jovens artistas pelas ruas.

 *você pode imprimir os lambe-lambes #EspalheAmor AQUI e realizar o projeto na sua cidade.

EXPOSIÇÃO
Os lambes serão colados em locais públicos, ou privados que autorizem, como forma de intervenção artística.

 
PARCERIA TRENSURB

O projeto já conta com parceria da Trensurb, que autorizou a colagem dos lambes nos postes de estrutura dos trilhos.

Uma publicação compartilhada por Carolina Schubert (@dontaskmewhy.blog) em


Uma publicação compartilhada por Carolina Schubert (@dontaskmewhy.blog) em


REALIZAÇÃO
O projeto #EspalheAmor é realizado pela jornalista e escritora Carolina Schubert. Além de levar as oficinas às instituições, ela é responsável por divulgar o projeto através do seu blog Dont Ask Me Why que também serve como landing page para o site do #EspalheAmor (www.espalheamor.co). A divulgação dos lambes, produzidos pelos menores, é feita conforme combinação prévia com cada instituição participante.

APOIO
Carolina Liczbinski (influenciadora e incentivadora do projeto);
Ramona Sander (designer responsável pela arte dos cartazes);
Théa Cruz (desenvolverdora);
Cacao Bier (fotógrafa);
Willian Prass (advogado);
Patrícia (psicologa Casa Aberta/São Leopoldo – primeira instituição a acolher o projeto)

E então, vamos espalhar amor por aí?

rodapé

rodapé

Manda um alô!

Posts recentes

Facebook