Uma descoberta chamada Búzios

16:38


Resolvi viajar sozinha. Era terça-feira, e já na quinta partia rumo a Búzios, litoral do Rio de Janeiro. Estava num mix de ansiedade com animação. Um ciclo havia se fechado em minha vida, e precisava de um ponto para recomeçar. De um destino para me reconectar. Para me conhecer melhor, aprender e dar início a uma nova fase, um novo ciclo.

O que eu não podia imaginar, é que seria tão maravilhoso!!!!!!

DIA 1. 
Desembarcar no Rio de Janeiro sem ter ninguém me esperando com uma plaquinha nas mãos foi um tantinho assustador. Confesso que sou meio atrapalhada, meu senso de direção não é bem uma das minhas qualidades. Então, o frio na barriga pegou até encontrar o quiosque da 1001, empresa de ônibus "linda do coração" que me levou direto do Aeroporto do Galeão à Búzios em apenas três horas e pouquinho. Sucesso total. Quando vi já estava diante do Nomad Seashore Hostel, bem em frente a Praia do Canto e no meio da Rua das Pedras, o que facilitou super as andanças por toda a região. Logo vesti um biquíni, deixando o sol do fim de tarde esquentar a pele.

Uma foto publicada por Carolina Schubert (@dontaskmewhy.blog) em

E contemplar o sol e o mar assim direto na chegada, trouxe ainda mais sorte para as próximas horas desse primeiro dia no paraíso. Precisava comprar a passagem de volta para o GIG, então, antes de almojantar, parti rumo a loja da 1001 de Búzios. A fila estava imensa, e entre tantas pessoas, surgiu Marcella, minha nova amiga, natural de Minas, moradora de Búzios e muito "conversada" (ou seja que, assim como eu, fala pelos cotovelos). Identificação imediata.

Da 1001 para a vida. Fomos jantar, e a Marcela ainda me indicou a agência Top Búzios, onde comprei meus passeios para os próximos dias, fica a dica! Depois ainda levamos a Luana, irmã mais nova da Marcella, para dar uma volta pela Rua das Pedras, porque ela, no alto de seus oito aninhos, adora caminhar por lá. Quando vi já passava das 22h, e minha estreia em Búzios não poderia ter sido melhor!!!!

DIA 2.
Escolhi conhecer Arraial do Cabo logo de cara, pois estava enlouquecida por algumas fotos que havia visto no Instagram desse lugar encantado. E, definitivamente, irei voltar pra arraial, pois o passeio de barco é incrível, mas desperta uma vontade avassaladora de conhecer cada cantinho escondido daquelas praias banhadas por um azul tão clarinho.

Dei sorte, a escuna em que estava ancorou e conseguiu autorização para visitar a Praia da Ilha do Forte. Um reserva natural que só permite 250 turistas por vez. Fiquei deslumbrada. Valeu cada segundo e cada centavinho dos R$ 140,00 que incluía transfer Búzios/Arraial do Cabo, guia, passeio de barco e almoço. Saí de Búzios às 8h e retornei apenas às 21h. Dia cheio! Missão cumprida com estrelinhas do mar.

Uma foto publicada por Carolina Schubert (@dontaskmewhy.blog) em

DIA 3.
Também fiz o passeio de escuna pra conhecer as praias de Búzios. Mas confesso que não curti. Se torna um pouco bobinho, já que você pode conhecer todas essas praias de maneiras bem mais aventureiras e interessantes. Mas tudo bem! Experiência válida, pois se eu não fizesse não iria saber.

Agora o ponto alto do dia, foi voltar ao hostel, após o almoço, e encontrar a Carol, minha roommate. Mais uma amizade #NaBagagem, assim de bate pronto. E daí pra frente, embarcamos em tantas aventuras que a impressão é de que fiquei uma vida inteira e não apenas cinco dias em Búzios.

À tarde, o roteiro foi visitar a Praia dos Amores caminhando pelas pedras. Dica: não vá descalço, as pedras queimam um pouquinho e podem cortar a sola dos pés. Opte também em visitá-la pela manhã. No fim da tarde, a maré sobe e reduz muito a faixa de areia, complicando um pouquinho a parada por lá.

Depois uma volta pela orla até a Praia Azeda, com direito a retorno de barco-táxi. Sim! Em Búzios, você pode chegar a várias praias de barco-táxi. É baratinho e uma delícia. O valor vai de R$ 7,50 a R$ 13,00, de acordo com a distância, por pessoa.

Uma foto publicada por Carolina Schubert (@dontaskmewhy.blog) em

Pra fechar! Jantar das geminianas indecisas. Depois de algum tempo de lá pra cá na Rua das Pedras, descobri que além de também ser Carol, assim como eu, Carol é de Gêmeos. Ou seja, pensa na indecisão pra decidir o que comer...  Mas também quando decidimos, unanimidade total: porção de camarões com batata e mandioca/aipim frito. Para brindar a nova amizade, caipirinha de morango e sexy on the beach. O restaurante escolhido foi o Sambaqui, atendimento nota mil, e precinho camarada, afinal os valores de Búzios são tão salgados quanto a água do mar. R$ 70,00 pra cada. Tim tim!!!!

DIA 4.
O DIA!!!!! Búzios é muito conhecida por seu turismo a bordo de escunas. Porém, o passeio de barco se torna boboquinha diante da opção trilha. Quando a Marcella me apresentou a Top Búzios, por obra do destino (acredito muito nesse lance de energia), o Mateus da Búzios Local Trilhas estava passando pela agência. E eu havia perguntado sobre trilhas. Pois bem! Passeio fechado, e no quarto dia de aventuras pelo paraíso, teve trilha, teve escalada, teve muita emoção, mesmo!!!!!

Convidei a Carol, e ela super topou. E pra completar o time, Cris, que abandou o Rio de Janeiro para viver em Rio das Ostras, e mesmo sendo "patricinha", super se jogou na parada. Também com assistência do Mateus, super profissional, querido e conhecedor daquelas terras, ficou fácil até escalar as pedras mais ingrimes e assustadoras. E o passeio que era pra ser das 8h às 13h, teve apenas uma pequena pausa pro almoço, e rolou até às 21h. Foram mais de 10km desbravados, e as fotos falam por si!!!!

Uma foto publicada por Carolina Schubert (@dontaskmewhy.blog) em





Uma foto publicada por Carolina Schubert (@dontaskmewhy.blog) em

Uma foto publicada por Carolina Schubert (@dontaskmewhy.blog) em

Carols iam ainda a um Luau famosão na Praia João Fernandes, mas faltou pique. De qualquer forma vale dizer que esse luau é super concorrido. Uns argentinos que estavam no hostel embarcaram nessa, e se fosse por eles, estavam por lá até agora. Então, fica a nota!

DIA 5.
A felicidade era tanta que não coube espaço pra qualquer depressãozinha daquelas que batem quando o fim de uma viagem se aproxima. O quinto e último dia foi abençoado por um banho de mar na Praia Azeda. Vale muito acordar cedinho e aproveitar a faixa de areia e bons mergulhos sem o tumulto das multidões que tomam conta das praias próximo ao meio dia. Que manhã abençoada!!!!


Esqueci de dizer que a Marcella passou o finde em Niterói. Mas ela voltou a tempo de um almoço entre amigas. E enquanto digito cada letrinha desse roteiro/review já sinto saudade e uma imensa alegria por ter conhecido Carol, Marcella, Cris, Matheus, e tantas pessoas que fizeram com que eu aprendesse que viajar "sozinha" é uma oportunidade e tanto. Amplia os horizontes, e te faz ter a certeza que tocar o infinito é possível, sim!!!!!!

Uma foto publicada por Carolina Schubert (@dontaskmewhy.blog) em

CURIOSIDADE

Em Búzios, você vai se deparar com areia cor de areia, mas também com uma areia rosada ou escura, quase preta. São sedimentos das rochas/pedras que tem ao redor da armação. Não sei exatamente a explicação científica da coisa, mas é lindo demais!!!! 






DICAS

> O que levar?
Praia, né? Roupas leves, cangas, toalha, boné ou chapéu, óculos de sol, sandálias e chinelos. Esqueça o salto, mesmo as plataformas não são indicadas para andar na Rua das Pedras. O visual praiano, aquela cara lavada e o cabelo bagunçadinho, é mesmo a melhor opção. Eu acho! #NaturalBeautyBaby

IMPORTANTE!!! Abuse do protetor solar. Inclusive, sua pele irá agradecer muito se você optar por esquecer o bronzeador, durante sua estada em Búzios ou Arraial do Cabo. Acontece que o sol por lá racha mesmo. Então não há necessidade de querer torrar mais do que já vai ser possível torrar usando um protetor mais adequado.

> Onde Ficar?

Em Búzios o que não falta é opção de Pousadas/Hotéis. Desde a mais simples a super completa. O negócio é pesquisar o que mais combina com o teu estilo. Hostel também tem!!! Minhas indicações:

NOMAD SEASHORE HOSTEL
Coisa linda de viver! Por apenas R$ 95,00 na alta temporada, fiquei em um quarto para até quatro meninas com banheiro privativo, super limpinho, bem de boas! Eles ainda dispõe de toalha, WiFi e um atendimento cordial. Rola café da manhã com pão fresquinho, manteiga, geleia, frutas, café, leite, achocolatado. Sério! Sem falar que fica localizado na Rua das Pedras e de frente para a Praia do Canto. Nada melhor do que dormir ao som das ondas quebrando.

Pontos negativos que penso ser importante comentar: os fios do chuveiro elétrico são visíveis, ou seja, da um nervosinho tomar banho, pois é perigoso. O colchão é bem ruim, mesmo. Apareceram duas baratas no nosso quarto, mas prontamente foram mortas, e o hostel tem certificado de dedetização. Ou seja, verão, calor, baratas, normal até aqui em casa.

Com certeza, quando voltar a Búzios vou me hospedar novamente no Nomad. Estrelinhas do mar!

LUAR DE GERIBÁ

Se você não curte tanto a vibe hostel, uma opção bem gracinha de pousada é a a Luar de Geribá. Limpa, segura, com quartos amplos e ventilados, além de uma belíssima piscina. Café da manhã completo e com diversas opções de delicias. Fácil acesso a Praia de Geribá, que é a praia mais badalada de Búzios, e o melhor atendimento da região. Conheci a pousada, pois o dono é o pai da Marcella. E assim, o ambiente é de fato encantador! Vale o investimento de R$ 450,00 na alta temporada.

> Comilança
Os rangos em Búzios não são muito baratinhos, mas tem delícia que não acaba mais. Como eu amoooo comer, e sou louca por doce, minha lista segue o padrão "Carolina de ser". De qualquer forma, a dica é caminhar pela Rua das Pedras e pesquisar os cardápios até encontrar o que realmente agrade. Vale o passeio!

CAVERNA MINEIRA
Pra almoçar, o eleito foi . Comidinha mineira, super caseira, com muitos quitutes a disposição!!!! O quilo estava uns R$ 60,00, e gastei cerca de R$ 20,00 em cada almoço, pois como uma quantidade de razoável. Então o preço vai depender do tamanho do teu estômago. O que posso garantir é que o sabor é delicioso demais!!!! Além disso, o ambiente é uma graça.

SAMBAQUI
Os pratos para duas pessoas estão na casa dos R$ 100,00, como boa parte dos restaurantes na Rua das Pedras. O que nos ganhou - Carols - foi o atendimento quando pedimos para dar uma olhadinha no cardápio. Os pratos são super bem servidos, o nosso daria para três meninas comerem tranquilamente. Eles oferecem peixes e frutos do mar, além das guarnições como arroz, salada, batata frita, aipim, entre outros. A carta de drinks não é gigantesca, mas tem boas opções. Caipirinha tem com certeza, e a de morango estava sensacional.

LA BASQUE
Apaixonados por tortas não precisam nem de explicação. Mas caso você não conheça, tem La Basque em Búzios, é ao lado do Nomad, e claro que eu devorei uma fatia de torta por lá, aliás duas. A da foto é de mousse de chocolate com base de brownie coberta por merengue. De chorar. Ponto negativo: não aceitam cartão.

Uma foto publicada por Carolina Schubert (@dontaskmewhy.blog) em


TRENTO SORVETES
O melhor sorvete de black chocolat da vida!!!!! A sorveteria é estilo gourmet então não é nada baratinha, mas vale muito investir num cascão com duas bolas que sai por R$ 20,00. Uma maravilha gelada. Fica bem em frente ao The House Rock´N´Roll, próximo ao Subway e ao Bob´s.

CHIQUINHO SORVETES
O melhor e mais em conta!!!! Eles tem várias opções de casquinha do tipo expresso. E rola colocar uma cobertura que deixa o troço ainda mais maravilhoso. Pode apostar. A casquinha sai por apenas R$ 2,50 e a casquinha com cobertura R$ 6,00. Sério, é muito bom, eu achei o sorvete mais gostoso que o do MC Donald´s.

> Tem night
Se você não dispensa uma baladinha nas férias, Búzios tem muita opção. Não fui, então não posso indicar com precisão. Mas o fato é que inúmeros barzinhos estão pela orla e Rua das Pedras. Além disso, a famosa Privilège bomba. Enquanto estive por lá, o club que é a beira mar apresentou Baile do Dennis (sexta-feira) e Elekfantz (sábado).

Bem do ladinho do Priviège ainda tem o Buda Beach, mais de boas, com mesinhas, parece ter uma super vibe e lota!!! Já entre o Subway e a Cacao Show tem o The House Rock´N´Roll, no domingo, estava explodindo, com fila na porta.

E claro, os luaus. Esses são divulgados mais no boca a boca mesmo. Fomos convidadas por um amigo do guia que nos levou para as trilhas, enquanto caminhávamos. Ou seja fique ligado! Outra boa dica é perguntar na recepção da pousada/hotel. E se por ali ninguém souber, arrisque perguntar na recepção de algum hostel. Nos hostels, todo mundo sempre sabe de tudo. Pra mulherada, normalmente, até a 1h, a entrada é gratuita. Os homens pagam mais barato até o mesmo horário. E eles aceitam cartão de débito/crédito. Não fui, mas deu vontade. Quem sabe na próxima...

Você também vai gostar

0 comentários

rodapé

rodapé

Manda um alô!

Posts recentes

Facebook